Postagem em destaque

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Boletim Informativo, 04 de dezembro de 2016

Quando um acidente tão trágico acontece o que Deus está nos lembrando?

Rev. Cleverson Gilvan

            Uma das coisas mais preciosas para o cristão é poder descansar na providência de um Deus que tem o controle absoluto da história. É por isso que, entusiasticamente, cantamos: As tuas mãos dirigem o meu destino, e ainda, acasos para mim não haverá. Pensei nestas coisas depois de tomar conhecimento do trágico acidente que vitimou 71 pessoas entre jogadores e comissão técnica da Chapecoense, jornalistas e tripulantes do vôo da última segunda-feira que caiu na Colômbia.
            Antes, na realidade, eu havia iniciado o dia com minha devocional em Lucas 13, onde providencialmente, o Senhor abria o capítulo falando de um acidente onde 18 galileus morreram na queda de uma torre. Na narrativa, Jesus pergunta se os que morreram eram mais culpados do que os habitantes vivos de Jerusalém, e ele mesmo responde, advertindo-os: Luc 13:5  “Não eram, eu vo-lo afirmo; mas, se não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis.”. Imediatamente lembrei-me ainda do texto de Tiago, onde lemos: “Atendei, agora, vós que dizeis: Hoje ou amanhã, iremos para a cidade tal, e lá passaremos um ano, e negociaremos, e teremos lucros. Vós não sabeis o que sucederá amanhã. Que é a vossa vida? Sois, apenas, como neblina que aparece por instante e logo se dissipa. Em vez disso, devíeis dizer: Se o Senhor quiser, não só viveremos, como também faremos isto ou aquilo.
(Tgo 4:13-15 ARA).
            É verdade que Deus tem um propósito na vida de cada um, e isto inclui os que morreram no acidente, os que sobreviveram e todos nós também. Mas a grande mensagem do Senhor esta semana é que devemos considerar a brevidade da vida e a nossa incapacidade de realizarmos nossos sonhos, sem que Ele o sustentador dela, dê o seu aval. Não temos controle nenhum sobre os próximos cinco minutos e precisamos urgentemente permanecer em Deus, mantendo aquela santa vigilância que precede a nossa convocação aos céus.
            E isto deve ser assim porque o que é certo é que todos compareceremos perante a face do Senhor ao sermos convocados.
            Nos diálogos gravados entre a torre e o avião, ouvi, com um aperto no coração, a última palavra proferida pelo piloto: “Jesus”. O tom não me permite analisar o que aquele nome significava para o piloto, além do mais, todo juízo pertence ao Senhor. Mas é fato que esse será o nome e o homem com quem nos encontraremos após aquela santa convocação. E esse encontro será para a vida eterna ou para a condenação eterna. Esse será o nome que todos os homens ouvirão naquele dia!
            Portanto, esse é o tempo, de nos mantermos vigilantes, tendo sido assegurados pelo evangelho, que só em Jesus temos a promessa e a segurança de uma vida eterna.

 Avisos

CTM - 2016
Saudamos a todos os nossos irmãos do CTM/IBEL. A Igreja Presbiteriana de Patrocínio os recebe na alegria do Senhor. Sintam-se bem em nosso meio!

Reunião de Oração
Na próxima terça-feira teremos nossa tradicional reunião de oração no templo. Nos encontramos sempre às 19:30 horas para orar, com súplicas, intercessões e ações de graça. Venha participar conosco!


Estudo Bíblico
Na próxima quinta-feira nosso estudo estará sob a direção do Rev. Cleverson. Participe dos nossos estudos bíblicos semanais.

Escola Dominical e Culto – Ceia na Central
Pela manhã o professor da classe de adultos é o Rev. Salvador e, à noite, o pregador será o Rev. Cleverson Gilvan. Na ocasião participaremos da celebração da Ceia do Senhor.

Reunião do Conselho
O conselho se reunirá para eleição e nomeações para 2017 no próximo dia 12 de dezembro. Todos os presbíteros estão convocados.

Aniversário Congregação Manancial
Por ocasião de seu aniversário a Congregação Manancial convida toda Igreja para participarem do culto Solene que se realizará hoje as 19:30h


Aniversariantes
04/12
Lara Cristina


06/12
Ana Cecília Faria Ávila
Filadélfia

07/12
André Carlos Chagas
Central
3831-9737
07/12
Miriam Maria Silva
Manancial

08/12
Lucrécia Silva
Filadélfia
3831-8979
08/12
Maria Lúcia Bragança de Souza (Vinica)
Central
3831-1426
09/12
Clara Rabelo Isaac
Central
3831-4180
09/12
Emerenciana de Deus Lelis Silva
Alto da Estação
8815-0215
09/12
Salomé Araujo Faria
Filadélfia
9109-3809



Programação Especial de Final de Ano
O mês de dezembro está chegando e com ele a oportunidade de celebrarmos, com gratidão, o nascimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Por isso, anote em sua agenda nossas programações especiais.
11/12 – Cantata das Crianças
18/12 – Almoço de Confraternização
25/ 12 – Cantata do Coral Adulto (09:00h) – Central e Congregações
31/12 – Culto de Ação de Graças (Central e Congregações – Celebração da Ceia em Conjunto)




FÓRUM

7 dicas de como fazer ótimas devocionais e crescer espiritualmente

Extraído de Ultimato online – André Sanches

            Antes de dar minhas dicas, gostaria de apenas relembrar o que significa devocional. Devocional é aquele momento que você separa em seu dia para manter um relacionamento mais próximo de Deus. Normalmente, nesse momento, se medita na Bíblia, se ora, se louva, etc. São momentos muito importantes para o crescimento espiritual do crente. Sabido isso, agora quero compartilhar algumas dicas para que esse momento seja produtivo, especial e sustentável em sua vida.

1- Comece observando o seu tempo
Para se ter bons momentos devocionais você precisará de tempo. Quanto tempo você dispõe e em que período do dia? Avalie sua rotina e defina esse tempo que irá dedicar a Deus. Um exemplo: Consigo dedicar 30 minutos diários, das 6h às 6h30 da manhã. Não comece com longos períodos para não desanimar. Comece pequeno e vá crescendo aos poucos.

2- Qual é o seu melhor momento do dia?
Avalie a você mesmo e perceba em que momento do dia você é mais bem disposto para as suas devocionais. Tem pessoas que acordam, mas demoram a estarem bem ativas e atentas, o que faz do período da manhã um péssimo momento para fazer as devocionais. Observe-se. Qual é o seu melhor momento? Coloque a sua devocional nesse seu melhor período do dia. Isso te fará ficar mais animado e aproveitar mais o momento.

3- Qual é o seu melhor lugar?
Escolha um bom local onde possa ficar em paz e em silêncio para seu encontro com Deus. Se necessário, peça aos seus familiares que respeitem esse seu tempo e não te interrompam. Alguns acham o quarto um ótimo lugar, outros um escritório. Outros gostam do ar livre. Fique à vontade. A única regra é que esse lugar favoreça o seu encontro com Deus.

4- Trace um plano
Organize seu momento com Deus. Divida seu tempo entre a leitura e meditação da palavra, oração, louvor... Um exemplo: 15 minutos de leitura da Bíblia + 5 minutos de meditação e anotações sobre o texto + 10 minutos de oração. Outra dica legal é usar um plano de leitura bíblica para te guiar no objetivo de conhecer mais a palavra de Deus.

5- Anotações sempre!
Compre um caderno para anotar o que Deus falou com você, os textos que mais gostou, que mais te tocaram, os pedidos de oração, etc.. É muito gostoso anotar algumas orações e ver como Deus trabalha em nossa vida. Esse caderno será uma fonte de consulta sobre sua vida espiritual. Se gostar, faça um pequeno diário sobre o seu dia e a forma como Deus interagiu com você e você com Ele. Não confie em sua memória. Anotações estarão sempre ali para consulta.

6- Não desista diante das dificuldades
Não seja ingênuo achando que o inimigo irá gostar dessa sua postura. Contrariedades como distrações, sono, preguiça e outras, irão aparecer. Vença cada um delas e siga em frente. À medida que vai se aprofundando na presença de Deus, você vai ficando mais forte e vence mais fácil as lutas!

7- Não se contente em permanecer no mesmo lugar
Avance em suas práticas devocionais. Amplie seu tempo, ore mais, leia mais, medite mais, pratique mais. Você verá que seus momentos com Deus serão “viciantes”.





ESTUDO DIRIGIDO PARA CULTO DOMÉSTICO

Baseado na mensagem do Rev. Cleverson Gilvan na Igreja Central

Texto: 1ª Tm. 3.1-15

            O texto de 1ª Timóteo 3 tem muito mais do que apenas uma apresentação detalhada dos requisitos para o oficialato na igreja. Paulo, portanto, não discute com Timóteo apenas, apenas o que presbíteros e diáconos devem ter e ser, mas nos fala, fundamentalmente, do caráter espiritual do servo de Deus. Por isso, esses princípios têm uma aplicação geral, que diz respeito a todo cristão em particular.
            Então, considere:

1) Ao analisar as virtudes recomendadas aos presbíteros (bispos) em 3. 2-7, que tipo de vida espiritual você acredita que deve marcar a vida de um servo de Deus?

2) O verso 7 diz  que “...é necessário que ele tenha bom testemunho dos de fora, a fim de não cair no opróbrio e no laço do diabo.”. Opróbrio significa repreensão e laço é sinônimo de armadilha. Então, qual o perigo de negligenciarmos nossa saúde espiritual?

3) O verso 9, já tratando sobre os diáconos, fala sobre consciência limpa. O que isto significa para você?

4) Aqueles que têm uma vida espiritual sadia alcançam muita intrepidez na fé (verso 13). Como você acha que é isso?

5) Você acredita que tem tratado com seriedade a sua vida espiritual?